18.8.11

Quem nunca cometeu graves enganos na hora de fazer uma dieta? Afinal, ouvimos tanta coisa que fica difícil saber o que é verdade e o que é mentira. Mas, para ajudar-te nesta difícil empreitada que é emagrecer, vou esclarecer 10 duvidas frequentes.

Podemos comer pão branco?


Poder, pode. Mas, não em exagero. Na verdade, a quantidade de calorias presentes neste pão é quase a mesma de 2 fatias de pão de forma integral. A diferença está no teor de fibras, presente em maior quantidade no pão integral, e de sódio, maior no pão francês. Mesmo assim, comer o pão francês, preferencialmente sem miolo, não acaba com suas chances de perder peso. Alterne os tipos de pães e também troque por cereais (aveia, quinoa, trigo integral).

Devemos consumir sumos à vontade?
A hidratação é importante, porém, não podemos esquecer que as bebidas também têm calorias. Sucos de açaí, laranja, fruta do conde e abacate devem ser evitados. Prefira adoçante ou açúcar mascavo e sempre em pouca quantidade. Use as bebidas para fazer as pequenas refeições que geralmente pulamos. Quando estiver com sede, beba água. Se não gosta de água, acrescente fatias de limão, gengibre, hortelã ou manjericão para saborizar a água. Com o tempo, o corpo se adapta e começa a sinalizar a necessidade de hidratação através da sede, facilitando a manutenção do hábito.

Azeite não engorda?
O azeite é fonte de gordura monoinsaturada que é benéfica para o coração. Contudo, quando se trata de calorias, ele não difere em nada de qualquer óleo vegetal (soja, canola, milho, algodão, girassol…). Use com moderação e sempre na hora de servir a comida, para que o aquecimento não destrua suas propriedade antioxidantes.

Alimentos congelados engordam?
Já existe uma geração de congelados voltados para as pessoas que estão em dietas de emagrecimento. Eles podem fazer parte do seu cardápio de 1 a 2 vezes por semana. Hoje em dia, todo mundo leva uma vida corrida e não tem tempo de cozinhar, por isso, os congelados light são uma opção de baixas calorias. Escolha sempre pratos que tenham legumes e verduras como acompanhamento e não só carboidratos (arroz, macarrõa, batata) e proteínas (carne, frango ou peixe).

O que importa é comer pouca quantidade e não o que você consome?
A qualidade vai determinar o controle de peso a longo prazo, devido ao controle metabólico. A quantidade deve ser controlada, mas os nutrientes ingeridos atuam nas reações químicas que acontecem durante a geração de energia. Este processo de metabolismo que determina ganho e perda de peso é muito complexo. Porém, já sabemos que um organismo cheio de vitaminas e minerais tende a funcionar melhor. Além do fato dos alimentos mais saudáveis terem, em sua maioria, menos calorias que as guloseimas.

Fumar emagrece?
O fumo não tem nenhuma relação com ganho e perda de peso. O fumo mata e não deve ser incentivado. Sabemos que pessoas que param de fumar podem ficar mais ansiosas e, consequentemente, podem comer mais. Com um bom acompanhamento médico, piscológico e nutricional é possível reduzir o ganho de peso nesta fase tão difícil.

Não devemos comer hidratos de carbono à noite?
Não devemos comer  em excesso seria a frase correcta. Nosso metabolismo é um pouco reduzido durante a noite, mas mesmo dormindo ele está funcionando. O que vai determinar se vamos queimar gordura ou absorve-la é o resultado da alimentação do dia todo e do nível de actividade física que praticamos, e não o que comemos antes de dormir.

Comida japonesa não engorda?
A comida que degustamos nos restaurante japoneses não reflecte a alimentação diária deste povo. O salmão é rico em ómega 3, que traz vários benefícios, mas é rico também em gordura e caloria, portanto, não pode ser consumido à vontade. É bom saber que o tempero do arroz do sushi é feito com açúcar e sakê, assim como todos os molhos deliciosos. Sendo assim, é melhor evitá-los em grandes quantidades. Também fique longe das frituras, como o tempurá, do sakê e dos harumakis (crepes).

Salada pode ser consumida à vontade?
Vai depender muito da escolha dos ingredientes. Queijos gordos, batata palha, azeitona e molhos gordurosos podem deixar a salada mais calórica que muitos outros pratos. Elas devem fazer parte do prato acompanhando cereais, leguminosas e carnes magras. Tempere com vinagre, limão, sal ou shoyu, molhos à base de iogurte ou ricota com temperos naturais (cebola, alho, salsa, cebolinha, alecrim, manjericão…).

Alimentos diet ajudam a perder peso?
A determinação diet, geralmente é voltados para diabéticos, o produto excluído é o açúcar. Para compensar a retirada dele, muitas empresas adicionam gorduras além dos adoçantes. A gordura eleva as calorias do alimento e pode até ultrapassar a quantidade do alimento original.  Fique atento.

 

link do postPor consultorioestetica, às 11:36  comentar



Este consultório aborda temas de cuidados de estética facial (acne, tratamento para rugas, manchas, etc.) e corporal (celulite, gordura localizada, retenção de líquidos, cirurgias plásticas, varizes, etc.), bem como de vários assuntos relacionados com as terapias alternativas (massagens, zen shiatsu, reiki, etc.).

Pode através deste consultório colocar as suas questões relacionadas com estes temas.
Envie a sua questão
Este consultório online é um espaço onde pode colocar as suas dúvidas no âmbito da estética e terapias alternativas japonesas.

E-mail: consultorioestetica@sapo.pt
Profª. Vanessa Matsumoto


A Profª Vanessa Matsumoto é esteticista, cosmetologista especializada em estética japonesa e formadora reconhecida pela JSCA (Japan SuperSonic Cosmetology Association). Foi discípula da mestre Hisayama Nats, presidente da JSCA e a mais conceituada esteticista do Japão. Trabalhou directamente na clínica dela, chamada "Le Kya", em Osaka no Japão, durante 6 anos e participou em várias feiras internacionais em Hong Kong, Japão e Coreia.
No Japão teve especialização em: tratamentos para acne, celulite, drenagem linfática normal e pós operatória e vários tipos de massagens japonesas.
No Brasil teve uma clínica médica onde fazia preparação para cirurgias plásticas, acompanhamento de pós operatório estético e todos os tratamentos estéticos convencionais.
Em Portugal, é proprietária do NIPON SPA JAPONÊS , um espaço dedicado as terapias japonesas.


Contacto:
Nipon Spa Japonês
Telemóvel: 917 448 484
Telefone: 217 157 010
E-mail: nipon@nipon-terapias.com
Site: www.niponspa.com

pesquisa
 
links
Agosto 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


blogs SAPO