14.10.14

Consiste em uma terapia milenar para desobstrução dos ouvidos, através de cones manufaturados em tecido fino,  revestido com parafina, para tratamento de problemas nos ouvidos, nariz e garganta. 

 

Historia

Informações apuradas sobre este antigo método datam sua utilização na China, desde o reinado do lendário e sábio Huang Di, conhecido no ocidente como "Imperador Amarelo"

cone-chines2.jpg

 

Durante o seu governo, entre 2698 AC a 2599 AC, Huang Di interessou - se especialmente pela saúde e pela condição humana, questionando os seus ministros - médicos sobre estes assuntos. 

Do registro de suas conversas surgiu a obra Nei Jin, considerada o primeiro tratado da medicina tradicional chinesa usado até hoje. 

Sabe se que a terapêutica com os cones também foi muito utilizada na antiguidade, pelos gregos e egípicios, para limpeza da área que contorna o cerebelo. 

Estes povos afirmavam que a limpeza da área davam  "lucidez a pessoa" por "limpar" esta região da cabeça.

Pela medicina atual sabemos que cerebelo é a parte do cérebro responsável pela coordenação dos movimentos, intervindo no equilíbrio do corpo e na sua orientação, tem papel importante na memória de curta duração e na atenção, no controle dos atos impulsivos, nas  emoções e ainda nas funções cognitivas superiores como a fala e a habilidade de planejar tarefas. Daí, talvez explique porque esses povos achavam que o cone de ouvido " melhorava a clareza mental". 

Também há indícios que os cones eram utilizados por monges no Tibet, pelos Mouros, pelos Maias e eram produzidos em folhas de pergaminho, folhas de bananeira, com cera de abelha. 

 

Como Funciona

Introduz - se a parte de baixo do cone, a mais fina, na entrada do ouvido. A seguir, acende -se a outra extremidade. Assim que a pequena chama de fogo consumir o oxigênio contido dentro do cone, inicia -se o processo de aspiração do muco e de cerúmen acumulados nas passagens internas e interligadas do ouvido, nariz e garganta. 

Em apenas 10 minutos, por suave processo de pressurização, são desobstruidos tais canais internos, auxiliando o organismo a se auto- regular.

 

Indicações e Ação Terapêutica 

A terapia dos cones chineses pode ser administrada em qualquer pessoa, sejam elas crianças, adultos ou idosos. Não provoca reaçoes adversas nem efeitos colaterais. 

O processo e totalmente indolor. Tecnica eficiente e especialmente indicada para os casos abaixo:

1. Perda de audição causada por rinite. 

2.Zumbido nos ouvidos causados por fluidos em execesso: limpa os condutos internos. 

3. Sindrome de Meniére, donça caracterizada por surdez, zumbido, vertigem e nauséas: contribui no balanceamento dos fluidos no labirinto. 

4.Labirintite: auxilia na desinflamação dos labirintos e limpa o sistema vestibular do ouvido interno.

5. Doenças naso faríngeos, causadoras de catarro: auxilia na eliminação. 

6. Higiene das passagens internas e interligadas dos ouvidos, nariz e garganta. 

7.Circulação linfática lenta: estimula a circulação periférica, especialmente na região do cerebelo. 

8. Irritação dos ouvidos e dos sinus: efeito do calor calmante, desinfectante e equilibrante. 

9. Enxaquecas com pressão auricular: contrabalança os fluidos causadores da dor. 

10. Herpes na zona auricular: auxilia na dor e tratamento do nervo sensível. 

11. Deficiência do nervo auditivo, quando há bloqueio ou choque emocional: tem ação relaxante e ajuda no tratamento. 

12. Tensão nervosa: Efeito relaxante em nível cerebral, acalmando as mensagens transmitidas pelo sistema sensorial. 

041-09226687fcb15ea0031904ab9f901e63-340x300-100-c

 

 

Contra - indicações: 

1. Cirurgias recentes.

2.Cisto no ouvido.

3. Mastoidite na sua fase aguda. 

4.Corrimentos.

5. Osteosclerose. 

6.Perda de audição congênita. 

7. Tumor no ouvido. 

 

 

 

 

 

 

link do postPor consultorioestetica, às 12:53  comentar

De TulsiCosmetics Profissional a 22 de Agosto de 2016 às 17:38
Parabéns pelo seu Blog,

www.tulsicosmeticsonline.com
Tudo para Estética, Cabeleireiro e Massagens

De Luciana a 27 de Setembro de 2016 às 15:47
Gostaria de saber quantas vezes é necessário usar o cone. Por exemplo numa sinusite infantil. Obrigada

De Anónimo a 27 de Setembro de 2016 às 16:12
Boa tarde,

depende do grau da inflamação, normalmente com uma sessão já nota se um alívio, mas em média de 3 a 5 sessões.


De CLÉDIA PORTO MEDEIROS a 8 de Janeiro de 2017 às 21:53
Gostaria de saber se posso fazer esse procedimento em casa ou se devo procurar um profissional. Se puder fazer em casa, onde adquiro os cones?

De consultorioestetica a 10 de Janeiro de 2017 às 10:26
Bom dia,

O ideal é procurar um profissional. Mas poderá adquirir os cones no Celeiro.


De Domingos a 2 de Fevereiro de 2017 às 00:47
Boa noite,

Gostaria de saber se em Brasília/DF, tem consultoria especializado na aplicação da terapia com o cone, pois tenho muito interesse, visto que tenho problemas auditivo, bem como sinusite e rinite e quando estou em crise minha audição piora muito.

De Talita Graziella a 12 de Junho de 2017 às 21:21
Olá . Sou de BSB/ Fisioterapeuta e acupunturista ... Estou a disposição para este tratamento

De fatima monteiro a 19 de Abril de 2017 às 19:18
onde compro chines em fortaleza?

De Kellen a 18 de Julho de 2017 às 02:43
Boa noite, o que é aquele pó amarelo que fica no cone junto com a cera? É algum tipo de infecção que o cone tirou?



Este consultório aborda temas de cuidados de estética facial (acne, tratamento para rugas, manchas, etc.) e corporal (celulite, gordura localizada, retenção de líquidos, cirurgias plásticas, varizes, etc.), bem como de vários assuntos relacionados com as terapias alternativas (massagens, zen shiatsu, reiki, etc.).

Pode através deste consultório colocar as suas questões relacionadas com estes temas.
Envie a sua questão
Este consultório online é um espaço onde pode colocar as suas dúvidas no âmbito da estética e terapias alternativas japonesas.

E-mail: consultorioestetica@sapo.pt
Profª. Vanessa Matsumoto


A Profª Vanessa Matsumoto é esteticista, cosmetologista especializada em estética japonesa e formadora reconhecida pela JSCA (Japan SuperSonic Cosmetology Association). Foi discípula da mestre Hisayama Nats, presidente da JSCA e a mais conceituada esteticista do Japão. Trabalhou directamente na clínica dela, chamada "Le Kya", em Osaka no Japão, durante 6 anos e participou em várias feiras internacionais em Hong Kong, Japão e Coreia.
No Japão teve especialização em: tratamentos para acne, celulite, drenagem linfática normal e pós operatória e vários tipos de massagens japonesas.
No Brasil teve uma clínica médica onde fazia preparação para cirurgias plásticas, acompanhamento de pós operatório estético e todos os tratamentos estéticos convencionais.
Em Portugal, é proprietária do NIPON SPA JAPONÊS , um espaço dedicado as terapias japonesas.


Contacto:
Nipon Spa Japonês
Telemóvel: 917 448 484
Telefone: 217 157 010
E-mail: nipon@nipon-terapias.com
Site: www.niponspa.com

pesquisa
 
links
Outubro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


blogs SAPO